Buscar

Aéreas operarão quase 13 mil voos extras entre dezembro e março

Empresas também anteciparam cronogramas de manutenção programada das aeronaves para garantir disponibilidade de aviões


As companhias aéreas da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas) já solicitaram e irão operar pelo menos 12,7 mil voos extras entre dezembro e março de 2019, período de alta temporada, iniciado com as festas de fim de ano e que engloba também férias escolares, pico de verão e Carnaval.

Para atender à demanda, além do aumento do número de voos, as empresas anteciparam cronogramas de manutenção programada das aeronaves para que toda a frota disponível esteja em operação no período.

As escalas de trabalho das tripulações e equipes de solo são igualmente planejadas com muita atenção, para conciliar regulamentos, atender ao incremento das operações e mitigar eventuais contingências, como ocorrências de mau tempo, por exemplo.

Veja as dicas das companhias aéreas para fazer viagens mais tranquilas: - Nos grandes centros urbanos, planeje a ida para o aeroporto com mais antecedência que o usual, evitando o trânsito intenso e chegando com tempo suficiente para um embarque mais tranquilo.- Faça check-in pela internet de forma antecipada, evitando, assim, filas nos balcões das empresas.- Verifique a documentação necessária para o embarque, especialmente de crianças. Sem documento, não é possível seguir com a viagem.- Consulte, no site da companhia, as medidas de bagagem que você pode levar a bordo. Caso exceda o tamanho permitido, você poderá pagar mais do que já pagou ao contratar o serviço antecipadamente.- Confira sempre as informações que constam nos bilhetes, especialmente horários, número do voo, informações sobre embarque, entre outras.

Com informações da Abear


Fonte: Agência CNT de Notícias

0 visualização
Setor de Autarquias Sul (SAUS), Quadra 1, Bloco J, Entrada 10, Edíficio Clésio Andrade, sala 508, Cep:  70070-944

Contato: (61)3224-1008
faleconosco@fenavega.com
Siga nossas redes sociais:
  • Facebook Social Icon

© 2020  - Federação Nacional das Empresas de Navegação Aquaviária