Buscar

ANTAQ e APP chancelam protocolo de intenções para troca de experiências sobre o fluxo do tráfego por

Acordo prevê intercâmbio de informações, pesquisa e estudos sobre infraestrutura e transporte aquaviário


A partir da esquerda, José Renato Fialho, superintendente da SDS/ANTAQ, José Luís Cacho, presidente da APP, Pedro Nunes Santos, ministro de Infraestrutura e Habitação de Portugal, e Nuno Miguel Araújo, presidente do Porto de Leixões, durante a homologação do protocolo de intenções

Nesta quinta-feira (10), a Agência Nacional de Transportes Aquaviários – ANTAQ e a Associação de Portos de Portugal – APP homologaram o protocolo de intenções que tem como objetivo aperfeiçoar a troca de experiências sobre o fluxo do tráfego portuário dos países de Língua Portuguesa.

A cerimônia foi realizada no Porto de Lisboa e contou com a participação do ministro de Infraestrutura e Habitação de Portugal, Pedro Nuno Santos. A ANTAQ foi representada na solenidade pelo superintendente de Desempenho, Desenvolvimento e Sustentabilidade, José Renato Fialho.

O protocolo de intenções, agora homologado, foi celebrado em 16 de fevereiro último pelo diretor-geral da ANTAQ, Eduardo Nery, e pelo presidente da APP, José Luís de Azevedo Cacho, e prevê ainda o compartilhamento de experiências, pesquisas, estudos e atividades de disseminação do conhecimento sobre infraestrutura e transporte aquaviário. O prazo de vigência do protocolo de intenções é de 12 meses, podendo ser prorrogado mediante a celebração de aditivo.


Fonte: ANTAQ

2 visualizações