Buscar

Estado autoriza construção do Terminal Hidroviário de Salvaterra e reconstrução do Terminal do Acará

Os dois equipamentos são essenciais para a locomoção com segurança da população e como estrutura para receber visitantes


Para potencializar o turismo em Salvaterra, no Arquipélago do Marajó, o governo do Estado, por meio da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH), autorizou nesta segunda-feira (21) a construção do Terminal Hidroviário Turístico do município. Também foi assinada Ordem de Serviço para reconstrução do Terminal Hidroviário do Acará, no Baixo Tocantins.

“É uma felicidade grande estar assinando hoje estas duas Ordens de Serviço, beneficiando esses dois municípios. O que estamos fazendo aqui é não perder a oportunidade de iniciar essas duas obras imediatamente. Quero ressaltar que hoje estamos com 22 obras em andamento pela CPH dentro desse modal, tão importante em nosso Estado, que é o hidroviário”, ressaltou o governador Helder Barbalho, que assinou os documentos no Palácio do Governo, em Belém, ao lado do presidente da CPH, Abraão Benassuly, e dos prefeitos de Salvaterra, Carlos Gomes, e do Acará, Pedro Paulo Moraes.


Salvaterra - O projeto da obra civil prevê sala de embarque, banheiros, guichês para vendas de passagens, cadeiras confortáveis, bebedouro e televisão, além de quiosque para comercialização de artigos regionais. O terminal será construído no centro da área urbana, e terá o quebra-mar reconstruído, incluindo rampas de acesso para embarque e desembarque dos usuários nas laterais. Será construído, ainda, um coreto para visitação.


Ao ser concluído, o terminal permitirá que novas empresas de navegação ofereçam viagens para Salvaterra, e também facilitará as atividades dos barqueiros que fazem a travessia diária entre os municípios marajoaras.


Hoje, o município de Salvaterra não tem sequer um trapiche. Turistas e usuários que precisam atravessar o Rio Paracauari para chegar a Soure, por exemplo, utilizam apenas uma rampa de concreto para entrar nas embarcações. Muitos precisam colocar o pé na areia e na água para embarcar ou desembarcar.


Acará – O projeto do novo Terminal Hidroviário do Acará inclui cadeiras confortáveis, banheiros, guichês para vendas de passagens, lanchonete, salas para órgãos do governo, guarda-volumes, televisão e bebedouro. A reconstrução também prevê novas instalações elétricas e hidrossanitárias, e sinalização do espaço. Já a obra naval contemplará a instalação de rampa metálica biarticulada coberta e flutuante coberto, para embarque e desembarque de passageiros.

“São duas obras importantes para o Estado, principalmente para o município de Salvaterra, que esperava há décadas por essa obra, e também para o Acará, que terá um potencial maior para escoamento de sua produção. O governo do Estado avança para mais duas obras, e já temos 14 obras somente na região do Marajó”, informou Abraão Benassuly.


Fonte: Agência Pará

3 visualizações