Buscar

Garimpagem ilegal por dragas e balsas no Rio Madeira é denunciada em imagem de satélite

Garimpo acontece na região de Manicoré, distante pouco mais de 435 km de Porto Velho, Rondônia.


Imagem do satélite Planet está sendo usada para denunciar a pratica da garimpagem ilegal, no Rio Madeira mais uma vez. No início desta semana, representantes do Greenpeace denunciaram que dragas e balsas haviam retornado a garimpar em um trecho do rio. A exploração garimpeira ocorre na região de Manicoré, Amazonas, distante pouco mais de 435 km da capital Porto Velho, Rondônia.


Neste ponto, as dragas e balsas, além de estarem próximas umas das outras, no ambiente conhecido por ‘fofoca’, elas também estariam atuando em área protegida por lei. O Greenpeace aponta para um número de cerca de cem equipamentos.


A mineração acontece no trecho de ‘Fortaleza do Bom Intento’, a 100 km de Manicoré no Rio Madeira. A instituição, além de emitir o alerta para providências das autoridades, explica que o governo brasileiro precisa com urgência encabeçar políticas públicas voltadas aos povos que vivem nesta região do Brasil, com “propostas estratégicas que apontem para o crescimento regional sendo capaz de superar o garimpo de ouro”. Baseado em informações do Greenpeace.


Fonte: https://www.newsrondonia.com.br/noticia/210080-garimpagem-ilegal-por-dragas-e-balsas-no-rio-madeira-e-denunciada-em-imagem-de-satelite

9 visualizações