Buscar

Licitação de áreas do Porto do Itaqui deve acontecer até o primeiro trimestre de 2020


Quatro áreas do Porto do Itaqui (MA) para movimentação de granéis líquidos, especialmente combustíveis, devem ser leiloadas até o primeiro trimestre de 2020. A expectativa é do diretor-geral da ANTAQ, Mário Povia, que participou da audiência presencial na terça-feira (23), no auditório do complexo portuário maranhense.


Juntas, as quatro áreas (IQI 03, IQI 11, IQI 12 e IQI 13) somam 133.894 metros quadrados. Os investimentos alcançarão cerca de R$ 480 milhões. O prazo de arrendamento de cada uma delas será de 20 anos. “Não precisamos que o setor de combustíveis entre em colapso para investir em infraestrutura. Precisamos oferecer capacidade, pensando lá na frente. É fundamental que o governo federal ofereça essas oportunidades e que a ANTAQ realize esses leilões”, afirmou Povia, elogiando o trabalho do Ministério da Infraestrutura, da Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP) e da Empresa de Planejamento e Logística (EPL).


O diretor-geral afirmou, ainda, “que há no Porto do Itaqui um lastro para que o mercado de combustível cresça. Vale ressaltar que o que se licita hoje, vira realidade em seis, sete anos”.


A audiência presencial, da qual participaram autoridades governamentais e setor regulado, é uma das etapas da consulta pública, realizada pela ANTAQ e que visa obter contribuições até o dia 31 de julho para o aprimoramento das minutas jurídicas e técnicas necessárias à realização da licitação das quatro áreas do porto maranhense. Os leilões acontecerão na B3, em São Paulo.


Fonte: Antaq

4 visualizações
Setor de Autarquias Sul (SAUS), Quadra 1, Bloco J, Entrada 10, Edíficio Clésio Andrade, sala 508, Cep:  70070-944

Contato: (61)3224-1008
faleconosco@fenavega.com
Siga nossas redes sociais:
  • Facebook Social Icon

© 2020  - Federação Nacional das Empresas de Navegação Aquaviária